Around town

Going into Toronto with two little ones is not something that I usually do spontaneously, but I do welcome the opportunity when it presents itself. Last week I got to know a charming part of town that had already captured my imagination when I read this post (and followed all the links!) almost a year ago. It was actually a coincidence that I went to visit a friend who has recently moved to Leslieville. Living in suburbia – the twilight zone between the city and the countryside – for a year and a half now, I truly appreciated just walking on the streets, browsing the shops, cafés, observing people and how different the social interactions are in the city than in the suburbs. Not far from my friend’s house there is this lovely, totally child friendly cafe called Lil’ bean n’ green café in which we had a very nice lunch while the children played at the play area in the back. We then walked to her local yarn shop, The Purple Purl, which is a gem of a yarn shop with the yummiest selection of yarn. It has a great atmosphere and the extra bonus of having a little corner with some toys for the little ones to be entertained while mama delights in the yarns! Before heading back home we played in the local playground for a little bit. I actually missed living in the city. Now, the downside of the day was that it took us 1hour and 20 minutes to get back home on a route that takes 30 minutes tops when there is no traffic. It reminded me that, though in suburbia,  I’m actually happy with the compromise of living near Warren’s work and the children’s school.

 

The purple purl

The purple purl

yarn

 

Ir a Toronto com duas crianças pequenas não é uma escolha que eu faço espontâneamente, mas eu aceito a oportunidade quando ela se apresenta. Semana passada eu conheci uma parte da cidade bem chramosinha que já havia capturado a minha imaginação há quase um ano e meio atrás quando li esse post (e segui todos os links!). Na verdade foi uma coincidência, pois eu fui visitar uma amiga que se mudou recentemente para Leslieville. Morando no subúrbio – essa zona indefinida entre a cidade e o campo – já há um ano e meio, eu curti muito andar pelas ruas da cidade e olhar as lojas, os cafés, observar as pessoas e notar como as interações sociais na cidade são diferentes de nos subúrbios. Perto da casa da minha amiga tem esse café super aconchegante, e totalmente voltado para crianças, chamado Lil’ bean n’ green café no qual almoçamoes enquanto os meninos brincavam na parte de trás do restaurante. Depois nós caminhamos até a loja de fios local chamada The Purple Purl, que é uma jóia de loja com uma seleção incrível de fios. A atmosfera da loja é super agradável, com espaço para aulas e brinquedos num cantinho para entreter as crianças enquanto as mamães se deleitam em ver fios. Antes de voltarmos para a casa as crianças brincaram um pouco no parque do bairro. Me deu saudades de morrar na cidade. Agora, o lado negativo do dia foi que levamos 1 hora e 20 minutos para voltar para casa num caminho que leva apenas meia hora quando não tem trânsito. Foi só um lembrete de que, apesar de subúrbio, estamos felizes com a escolha de morar perto do trabalho do Warren e da escola das crianças.

Leave a Reply

Your email address will not be published.